Aqui falo de mim, dos que amo, dos meus sonhos, das minhas alegrias e tristezas e de tudo o que gosto...ou não.



Contador de visitas
.Os Meus amigos



Maripossa


:: Onix ::

San
Sentidos Proibidos Mª
Cuidando de Mim
Da Planície
Tina
Coisas de Mulher
Em busca da Felicidade



.posts recentes

. QUANTO MAIS FALAM...

.arquivos

. Maio 2019

. Março 2018

. Maio 2013

. Fevereiro 2013

. Abril 2012

. Março 2012

. Novembro 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Novembro 2008

Quinta-feira, 20 de Maio de 2010
QUANTO MAIS FALAM...

Mais se enterram!!!!

 

Junho ou Julho? Afinal quando começa o 2º semestre de um ano?

 

Claro que era impensável deixar que a Função Pública recebesse o subsídio de férias sem os novos impostos.

Além de impensável era absolutamente injusto! Concordo em absoluto.

Mas neste momento as contas dos subsidios estão feitas.Quem paga o acrescimo de trabalho para fazer novos cálculos?

Ou vamos receber assim e descontá-lo em Julho?

 

EU OUVI o 1º Ministro dizer que os novos impostos só vigoravam a partir de JULHO!

E parece-me que não fui só eu que ouvi.Todo o País ouviu, toda a comunicação social confirma!

 

Não são retroactivos??? Claro que são!

Todos os analistas confirmam que na prática o são.

 

Na pressa de apresentar trabalho, perante os seus congéneres, (ou na tentativa de se mostrarem competentes), vieram para a rua projectos feitos em cima do joelho que, ainda nem sequer foram aprovados na Assembleia da Républica.

Segundo me parece ter ouvido hoje a um lider da oposição essa discussão só será feita no dia 2. Mesmo que seja aprovada e é natural que seja, então como é possivel entrar em vigor no dia 1?

Mas não são retroactivos!!!!

 

Eu compreendo que o País esteja com grandes dificuldades (quando digo País, digo nós).

Compreendo que tenhamos que fazer ainda mais sacrificios, apesar de não achar justo.

 

Só não compreendo a razão de tantos enganos.

Ou devo dizer mentiras?

 

Eu compreendi a razão porque um lider da oposição deu o aval à subida dos impostos. Compreendi a razão porque pediu desculpa ao seu eleitorado e esse pedido em nada o diminuiu, bem pelo contrário.

Da mesma forma compreendia se agora ele se opusesse a este golpe.

Porque haja o que houver assim não podemos continuar.

Eu preciso de acreditar que o meu País está a ser governado por quem sabe o que está a fazer mas entre o que dizem e desdizem...

 

publicado por rodrigando às 14:16
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Maio 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
.favorito

. PAI SE É POSSIVEL...

. SINA ...(?)

. PASSARAM-SE 34 ANOS

. EU MORO NA BRANDOA...

. ILUSÃO

. REVIRAVOLTAS

. HOJE

. TVI - PORQUE A SOLIDARIED...

. ONTEM FIZ

. OFICIALMENTE...

.tags

. todas as tags

.Música
Música
The Prayer - Celine Dion
.subscrever feeds