Aqui falo de mim, dos que amo, dos meus sonhos, das minhas alegrias e tristezas e de tudo o que gosto...ou não.



Contador de visitas
.Contador

contador

SELO À AMIZADE

.Os Meus amigos



Maripossa


:: Onix ::

San
Sentidos Proibidos Mª
Cuidando de Mim
Da Planície
Tina
Coisas de Mulher
Em busca da Felicidade



.posts recentes

. A CAMPANHA ELEITORAL JÁ C...

. ELEIÇÕES (hoje)

. 25 de Abril de 1975

. ELEIÇÕES

. 11 de SETEMBRO

.arquivos

. Maio 2013

. Fevereiro 2013

. Abril 2012

. Março 2012

. Novembro 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Novembro 2008

Quinta-feira, 24 de Março de 2011
A CAMPANHA ELEITORAL JÁ COMEÇOU?

Não estou preocupada com novas eleições, a não ser pela despesa que isso vai acarretar numa época de crise.

Talvez tenha sido o melhor que podia ter acontecido.

O povo vai pronunciar-se de novo e vai dizer em quem confia (ou não).

O que me preocupa agora são os "lobos" vestidos de cordeiros.

Alguns já começaram a deitar as garras de fora. No partido, ainda no governo, há já alguns.

Já  se começaram a fazer promessas, no outro.

Já se começaram a apresentar ideias  e diplomas no sentido de cativar os descontentes.

Nova posição de quem até agora permitiu que isso acontecesse?

Mas todos continuam a sacudir a água do capote sobre a responsabilidade de termos chegado ao ponto a que chegámos. 

Será que todos pensam que nós somos estupidos?

publicado por rodrigando às 19:19
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
|
Domingo, 27 de Setembro de 2009
ELEIÇÕES (hoje)

 Sempre que há eleições aqui na terra é dia de Romaria.

  Sobretudo para os que vão votar depois de almoço. É dia de abraços, de encontrar Amigos que raramente se encontram noutros dias e de alguns que ,embora já cá não morem, continuam aqui recenseados.

Hoje nem por isso.

Se a abstenção foi menor e a maioria não é gente de se abster,das duas uma:

Ou eu fui votar mais tarde e já não os encontrei ( e fui à hora do costume), ou o novo CARTÃO DO CIDADÃO obrigou-os a ir votar noutra freguesia.

Isto não se faz!  Assim como é que nós nos encontramos? Como é que sabemos as coscuvilhices? Como é que pomos a conversa em dia?

É que depois de votarmos sabia sempre bem um cafézinho no sitio do costume.

Hoje o café teve um sabor amargo.

 

 

                                                                    

sinto-me: abandonada
publicado por rodrigando às 23:03
link do post | comentar | ver comentários (13) | favorito
|
25 de Abril de 1975

 Como já ontem disse, fiz parte da 1ª.Comissão de Recenseamento da Amadora, primeiro aqui na minha Freguesia, que então no passava de uma povoação e depois na sede da Freguesia, hoje Concelho da Amadora.

Muitas foram as peripécias que nos aconteceram.

Lembro-me especialmente de duas, durante o Recenseamento. Uma senhora, acamada há muitos anos e com os dedos já deformados, que nos pediu para irmos a casa recenseá-la. Quando o fomos fazer chorou agarrada a nós. 

-Agora já posso morrer porque já posso ser enterrada.

Perante o nosso espanto contou-nos que alguém lhe dissera que, se morresse e não

estivesse recenseada , não podia ser enterrada.

Outra, uma senhora que tinha nascido no Brasil e que embora filha de Portugueses e casada com um português,mantinha a nacionalidade brasileira.

 O que ela lutou para ter a nacionalidade Portuguesa!

Conseguiu-o à ultima da hora e foi a penúltima a inscrever-se.

O último foi um Senhor que durante todo o tempo que durou o recenseamento, nos apoiou, andando de porta em porta a recolher os elementos que,  por vezes, deixávamos escapar. Grande Amigo que já partiu.

No dia 25 de Abril de 1975, às 7 horas da manhã, já não se rompia no Largo 1º de Maio, tantas eram as pessoas que tentavam ser as primeiras a votar.

Coube-me abrir as portas do complexo Escolar e quase fui levada pelo ar quando o fiz.

Também desse dia guardo boas e más recordações.

A de uma senhora que a meio da tarde nos apareceu a chorar porque queria retirar o voto dela da urna.Tinham-lhe dito que se ganhasse o partido em que tinha votado lhe tiravam a Pensão, seu único meio de subsistência. Foi dificilimo fazer-lhe compreender que ninguém sabia qual era o voto dela e que nenhum partido poderia fazer isso. Passados anos ria-se connosco ao lembrar-se.

Outro caso, o de um marido que queria ir com a mulher para a urna porque a mulher ia votar num determinado partido e ele não queria que ela o fizesse.

Nas costas dele a mulher fazia-nos sinais desesperados para não o deixarmos. 

Esse caso requereu a presença da Autoridade,  o Tenente dos Comandos que nos faziam segurança e que não só se manteve junto do marido enquanto a Senhora votou, como perante as ameaças que ele lhe fez o avisou de que se houvesse qualquer tipo de violência sobre a esposa ele seria preso.

Depois,  o partido em que votei teve apenas 2 votos, o meu, claro e o de um elemento doutra mesa! 

Passaram-se 34 anos, já se pode falar destas coisas!

Felizmente as pessoas hoje estão mais esclarecidas, já ninguém tem medo de votar seja em que partido for.

Pena é que, no meio de tantos Partidos, no meio de tantas discussões, no meio de tanto lavar de roupa, continuamos todos a precisar que nos esclareçam sobre o que precisa e não é ,de ser esclarecido.

Confusos? Eu também!

 

                                                                                      

 

 

sinto-me: Bem a recordar
publicado por rodrigando às 21:58
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
|
Sábado, 26 de Setembro de 2009
ELEIÇÕES

 Decerto muitas (quase todas) as pessoas irão falar disto.

 Hoje é dia de reflexão...

  Por isso eu apenas vou dizer:

 

   EU VOU VOTAR

 

                                      ( em quem é segredo)

   

 

  Lembro-me do tempo em que não o podia fazer (as mulheres percebiam lá de política ?) ! 

  Se as mulheres  conquistaram esse direito, Deus sabe a que preço, então  que não deixem  

   de o gozar.

                                                                                              

                                                                                                 

                                                                                                  

 

sinto-me: Com direitos
publicado por rodrigando às 14:40
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Sexta-feira, 11 de Setembro de 2009
11 de SETEMBRO

Há 8 anos assisti aterrorizada e incrédula,como quase todo o mundo, ao ataque às Torres gémeas.

Era e é,f eriado no Concelho em que moro e trabalho e, como estava a lavar os estores, descuidei-me com as horas e só liguei a televisão para o noticiário das 2, no canal 2.  A principio custou-me a perceber o que estava a acontecer. Pensei que alguma coisa estaria a atrair os aviões para aquela zona. Mesmo quando o 2º avião atingiu a 2ª Torre  e os comentadores começaram a falar em atentados recusei-me a acreditar ,tão horrivel me pareceu aquela hipótese.

Depois comecei a aperceber-me que o que via eram vidros e pessoas a cair, a atirarem-se,  a tentar fugir daquele inferno e só pensava nos que estavam nos andares de cima e nunca o conseguiriam.

Não sabia que aqueles edifícios eram o coração financeiro do que quer que fosse. Ainda hoje quando penso nisso só penso nas pessoas que lá morreram, uns porque naquele dia tiveram a POSSIBILIDADE DE NÃO IR TRABALHAR e foram.Outros porque a profissão deles

era SALVAR e morreram.Alguns tiveram a possibilidade de se salvar e ficaram para ajudar.

Depois disso foi a sede de vingança, de poder e de tudo o mais que nós conhecemos.

O mundo ficou diferente,não necessariamente melhor.

 

Mas hoje continua a ser feriado  e por isso é dia de preguiça.

Não vou ver o Tony Carreiras, não porque tenha algo contra o senhor, mas porque aqui na minha terra há Folclore e eu gosto mais das cantigas e danças regionais. Até temos um Grupo de Danças e Cantares da Madeira, imaginem.

Ah! É verdade,  amanhã os De Weasel (é assim que se escreve?) também vêm à Amadora.

 

 - Ó Sr. Presidente, quanto é que me paga pela publicidade?

  - Deixe lá. Já pagou com o alargamento da Rua de acesso à minha Escola e o prolongamento  até ao Metro da Falagueira, ou isso foi porque estamos perto das eleições?.

 

                                                    

 

sinto-me: Mázinha
publicado por rodrigando às 15:50
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Maio 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
.favorito

. PAI SE É POSSIVEL...

. SINA ...(?)

. PASSARAM-SE 34 ANOS

. EU MORO NA BRANDOA...

. ILUSÃO

. REVIRAVOLTAS

. HOJE

. TVI - PORQUE A SOLIDARIED...

. ONTEM FIZ

. OFICIALMENTE...

.tags

. todas as tags

.Música
Música
The Prayer - Celine Dion
.subscrever feeds