Aqui falo de mim, dos que amo, dos meus sonhos, das minhas alegrias e tristezas e de tudo o que gosto...ou não.



Contador de visitas
.Contador

contador

SELO À AMIZADE

.Os Meus amigos



Maripossa


:: Onix ::

San
Sentidos Proibidos Mª
Cuidando de Mim
Da Planície
Tina
Coisas de Mulher
Em busca da Felicidade



.posts recentes

. PAI SE É POSSIVEL...

. CONTINUAR A APRENDER

. PORQUE É QUE ME SINTO ASS...

.arquivos

. Maio 2013

. Fevereiro 2013

. Abril 2012

. Março 2012

. Novembro 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Novembro 2008

Segunda-feira, 30 de Abril de 2012
PAI SE É POSSIVEL...


Jesus Cristo ...AFASTA DE MIM ESTE CÁLICE.

publicado por rodrigando às 04:53
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Segunda-feira, 8 de Fevereiro de 2010
CONTINUAR A APRENDER

 

Devagarinho com coragem e com a vossa amizade, a depressão vai sendo combatida e com a ajuda dos medicamentos para a anemia que me estava a fazer perder cada vez mais as forças, as coisas vão-se compondo.

Embora continue em casa da minha filha e não me entenda muito bem com este pc porque o meu ficou em casa, e este é tactil o que me obriga continuamente a carregar em teclas que o meu não necessita,

Continuo com a medicação habitual, sem me descuidar (como sempre fiz) e, apesar da ultima desilusão, continuo a a acreditar em bons resultados, embora, já não tão eufórica.

Tenho tido muito tempo para pensar e, apercebi-me, que estava convencida de que fazendo tudo direitinho e com confiança  e apesar das reacções aos medicamentos às vezes serem dolorosas, ao fim de seis meses estaria curada e teria sido uma etape má mas ultrapassada.

Seria assim "tipo canja".

Fui obrigada a "descer à terra". e o bater com os pés no chão foi um bocado doloroso demais e inesperado.

Agora vivo um dia de cada vez, com confiança, com esperança na cura mas com os pés no chão.

Sempre achei que  as coisas vêm à nossa vida por alguma razão. É porque temos que aprender alguma coisa. 

Pensava que o que tinha tido que aprender seria a experiência de lutar contra a doença e curar-me.

E sim, teria sido canja.

Agora penso que tenho muito mais para aprender.

E não só em relação à doença.

Quando eu tiver aprendido tudo o que tenho que aprender, vou-me embora.

E, embora essa ideia não me assuste nem me preocupe por ai além, a verdade é que ainda quero e espero viver muitos anos

Logo, AINDA TENHO MUITO PARA APRENDER, não é?

                                                                                                   

sinto-me: bem comigo
publicado por rodrigando às 18:17
link do post | comentar | ver comentários (21) | favorito
|
Sábado, 24 de Outubro de 2009
PORQUE É QUE ME SINTO ASSIM?

 Não me deixo ir abaixo com facilidade e, quando isso acontece, normalmente é durante pouco tempo.

Sei que quando se tem (se teve) uma depressão major (que raio de termo é este?) é natural que de vez em quando as pessoas se deixem ir animicamente abaixo.  Mas eu tenho sempre lutado contra o que é natural acontecer e tenho vencido.

Agora não consigo.

Há dias que não me apetece fazer nada. Não me apetece comer, não me apetece sair de casa, não me apetece ir trabalhar, nada.Talvez seja esta mudança repentina do tempo. O mau tempo sempre me transtornou.

Os meus programas do AXN agora estão a dar e eu nem para eles olho. A única coisa que ainda me dá prazer é vir aqui, ver os posts das amigas, conversar um pouco. As noitadas até de madrugada já há uns dias que não consigo fazê-las.

Tenho andado a remexer em papeis e a reler coisas antigas, sinto saudades e sei que isso também não me ajuda.

Ontem fiquei de tarde em casa para descansar e o pouco tempo em que estive a trabalhar o tempo demorou imenso a passar. Eu, que gosto tanto do meu trabalho,  não via a hora de voltar para casa.

Dói-me o corpo e estou ligeiramente constipada.

.Sinto-me triste e arreliada porque não tenho nenhuma razão nem gosto, de me sentir assim.

Eu, que adoro música clássica, tive que tirar o CD porque até a música me estava a irritar em vez de  me descontrair.

Não posso ir deitar-me porque sei que não durmo, vou andar às voltas na cama e ainda me vou irritar mais.

BOLAS isto não é só por causa do tempo. Devo estar a entrar em paranóia.

SE, SE eu  hoje postar isto não se preocupem. Amanhã já estou bem. Agora é só um momento baixo cuja causa nem eu sei.

Vou tomar um comprimido e tentar dormir. Normalmente evito fazê-lo mas hoje tem mesmo que ser.

Amanhã vou para casa do filho mais velho e com os netos, o filho e a norinha decerto vou sentir-me muito melhor.

Bom fim de semana para todas.

 

 

 

 

sinto-me: Irritada e doente
publicado por rodrigando às 01:44
link do post | comentar | ver comentários (22) | favorito
|
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Maio 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
.favorito

. PAI SE É POSSIVEL...

. SINA ...(?)

. PASSARAM-SE 34 ANOS

. EU MORO NA BRANDOA...

. ILUSÃO

. REVIRAVOLTAS

. HOJE

. TVI - PORQUE A SOLIDARIED...

. ONTEM FIZ

. OFICIALMENTE...

.tags

. todas as tags

.Música
Música
The Prayer - Celine Dion
.subscrever feeds