Aqui falo de mim, dos que amo, dos meus sonhos, das minhas alegrias e tristezas e de tudo o que gosto...ou não.



Contador de visitas
.Contador

contador

SELO À AMIZADE

.Os Meus amigos



Maripossa


:: Onix ::

San
Sentidos Proibidos Mª
Cuidando de Mim
Da Planície
Tina
Coisas de Mulher
Em busca da Felicidade



.posts recentes

. FELIZ DIA DA MÃE

. DE VOLTA? TALVEZ

. PAI SE É POSSIVEL...

. Morreu em HOMEM!!!

. SINA ...(?)

. EM TEMPO DE PÁSCOA E REFL...

. PARABÉNS FILHO

. PASSARAM-SE 34 ANOS

. EU MORO NA BRANDOA...

. CHEGOU A PRIMAVERA

.arquivos

. Maio 2013

. Fevereiro 2013

. Abril 2012

. Março 2012

. Novembro 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Novembro 2008

Quarta-feira, 21 de Março de 2012
EU MORO NA BRANDOA...

Que não é, nem nunca foi, um covil de bandidos e malfeitores.

É e sempre foi uma terra de gente simples, humilde e laboriosa. O facto de ser uma quinta fez com que os terrenos fossem baratos e as rendas igualmente baixas. As casas eram construídas à noite, à luz de petromaxes.

A sua população era constituída maioritáriamente pelos operários das fábricas da Amadora. Eram gente das aldeias,habituados a não terem água canalizada nem luz electrica por isso não estranhavam a falta dessas condições.

O facto de muitos políticos, fugidos à PIDE e que estavam na clandestinidade aqui se refugiarem, fez com que os "senhores" daquele tempo lhe criassem má fama.

 Essa má fama perdura ainda na cabeça de muitas pessoas.

Estou a escrever isto porque ontem soube de uma determinada senhora que carrega no acelerador à entrada e só descansa quando sai. Coitadinha!Coloco aqui algumas fotos  que "roubei" do site da Junta de Freguesia e convido quem quiser saber mais sobre esta terra que o consulte.

 

FORUM LUIS DE CAMÕES

 

 

 

É aqui que todos os anos se realiza o Festival Internacional de Banda Desenhada. Acham que a C.M.A, seria louca ao ponto de trazer este Festival para cá se a Brandoa não fosse uma terra segura?

Este Forum fica situado na entrada da povoação mais próxima de Lisboa.

Esta é outra das entradas da Povoação.

Se há consumidores de droga? Há! Mas em que terra não os há?

 Roubos e crimes violentos graças a Deus não acontecem mas, se acontecerem, serão decerto noticia nacional.

A Brandoa, apesar dos prédios novos e dos muitos novos habitantes ainda é meio-clandestina na construção, penso eu que mais por pouca vontade política do que por falta de condições.

Eu moro cá há quase 48 anos e GOSTO DE CÁ MORAR, sobretudo porque isto é uma aldeia pequena,onde os vizinhos se conhecem pelos nomes e onde, mesmo nos tempos que correm, há SOLIDARIEDADE.{#emotions_dlg.blink}

publicado por rodrigando às 16:18
link do post | comentar | favorito
|
22 comentários:
De sonhoterumfilho a 21 de Março de 2012 às 17:59
Adélia, gosto de a ter de volta
Como em todo o lado existe o bom e o mau, até aqui na minha santa terrinha temos um bairro só de ciganos que a Camara fez o favor de construir para eles e quando acontece aqui alguma coisa eles são sempre os principais apontados.
O importante é esentirmo-nos bem onde moramos.
Um bj grande
Susana
De rodrigando a 21 de Março de 2012 às 18:37
Sabes Susana eu moro aqui há tanto tempo (desde os meus 16 anos), aqui fui menina,mulher,mãe, avó e até aqui trabalhei, primeiro na Junta de Freguesia e Biblioteca, depois na Escola Secundária.
Aqui passei o mau e o bom.Aqui passei muitos anos a lutar por melhores condições de vida e sobretudo contra a má fama que criaram à terra. Nunca fui vitima de quaisquer contratempos.
Inclusivé saía da Escola depois da meia-noite e vinha a pé para casa,tal como a maioria dos colegas e alunos.
As professoras que vinham de novo vinham quase sempre assustadas mas com o tempo riam-se do medo inicial.
E irrito-me quando ouço ou vejo disparates. Esta terra é igual às outras.
Aliás, quem dera muitas terem as condições de vida que nós aqui temos. Temos uma população trabalhadora e já muitos,muitos reformados mas ainda activos. Temos muitas crianças. Um parque escolar fantástico. Em suma temos uma povoação viva que não vem só cá dormir e estamos mesmo,mesmo às portas de Lisboa.
E nunca esta terra deixou de merecer o respeito das pessoas que, tal como eu, aqui moram há tantos anos.
Se fosse a "cidade sem lei" como lhe chamam não acham que já nos tinhamos ido embora?
Nós aqui sempre tivemos famílias ciganas perfeitamente enraizadas no bairro e na população e que só são diferentes de nós porque ainda usam as roupas tradicionais. Nunca criaram problemas nem nunca viveram excluídos.
Um grande abraço.
PS-Desculpa o desabafo.
De Tina a 21 de Março de 2012 às 19:40
Tenho amigos na Amadora, Adélia!... e gostei de saber do que postaste aqui, desconhecia, de todo!
Adorei tb saber de teu regresso ao mundo dos blogs...já sentia tua falta...embora eu ultimamente tb não tenha andado muito por aqui, devido a problemas de saúde comigo e familiares...mas, a vida é mesmo assim! - com altos e baixos -
Espero que estejas bem e que continues melhor, claro!
Beijinhos e tudo de bom pra ti, amiga!
Obrigada pela tua simpatia ao visitares meu cantinho!
De rodrigando a 24 de Março de 2012 às 00:40
Ainda não consegui voltar aos cantinhos de todas as amigas porque agora descobri os jogos e é lá que passo mais tempo- Sabia que tinhas amigos aqui porque de vez em quando falas deles. E a Brandoa é conhecida quase sempre por coisas más que nunca aqui aconteceram. Simplesmente foi um bairro construído clandestinamente (?), ( construir casas de 3º andar, na maioria das vezes durante o dia. só os mais pobres construiam à noite, depois de virem do trabalho) se isso é às escondidas...
Simplesmente na altura a Câmara de Oeiras não emitia licenças de construção para uma quinta. Daí a construção clandestina em que quase todos os prédios com mais de 20 anos se mantem. Mas construção clandestina não tem que ver com marginalidade.Um abraço amiga e as tuas melhoras.
De Tina a 28 de Março de 2012 às 15:54
De facto, tenho amigos aí, Adélia...de quando em quando, vamos visitá-los, mas ultimamnte não tenho vindo muito aos blogs, nem estado na net, pois minha mãe com 92 anos, não tem andado mt bem e preciso de a acompanhar durante mais tempo...embora haja net na casa deles, torna-se diícil permanecer por aqui...entendes?!
Desculpa, se não visito tanta vez teu cantinho como queria... !
Beijinhos e saúde pra ti, amiga!
De Marta M a 21 de Março de 2012 às 23:04
Olá Adélia!
Bom saber que a Brandoa tem também esse lado simpático e moradores que a defendem :)
Um abraço
Marta M
De rodrigando a 24 de Março de 2012 às 00:45
Apenas repor uma verdade.
É um bairro ainda meio clandestino a nivel de habitação. Mas clandestinidade não tem a ver com marginalidade é isso que a maioria das pessoas liga à Brandoa quando ouve falar dela.
E é profundamente injusto para quem cá mora.
Um abraço Marta.
De anónimo a 11 de Dezembro de 2013 às 14:46
Brandoa, onde eu passei a minha infância , os momentos mais felizes da minha vida. Dizes mal da Brandoa , mas é terra gente humilde.

De tresgues a 22 de Março de 2012 às 10:47
O meu primeiro namorado , com onze, doze anos, era da Amadora.
E giro... ;))
E dizia-me adeus com os pés, com a porta do combóio quase a fechar (para não parecer mal a Deus nem ao mundo daquela altura) porque eu ficava em Queluz (onde vivi uns tempos) e ele... seguia para a estação seguinte!
Bom dia! ;)
De rodrigando a 24 de Março de 2012 às 00:50
Tinha que ser,não era?
Um comentário tão simples foi o suficiente para me fazer sorrir.
Apesar de tudo eram bons tempos...
Um abraço
De Rosinda a 22 de Março de 2012 às 16:46
Olá amiga Adélia!
As pessoas têm a mania de estigmatizar alguns bairros ou locais , mas se formos bons observadores em todos os lados existe de tudo. Há muitos anos que não vou à Brandoa...
Minha amiga tens um desafio no meu blog.
Beijinho e abraço
De rodrigando a 24 de Março de 2012 às 00:48
Tens razão amiga. Há bom e mau em todo o lado mas as pessoas ainda nºao perdem a tempo a pensar nisso. Ainda não fui ver o desafio mas vou depois. Um grande abraço
De Hugo Ventura a 12 de Maio de 2012 às 02:44
Eu sou da Brandoa.Sai dai tinha 2 anos e nc mais voltei.Chamo.me Hugo e sou neto da dona Francelina.
De Hugo Ventura a 12 de Maio de 2012 às 02:47
Nao sei se alguem conhece a minha avó a dona Francelina. Infelizmente nunca + tive noticias dela :\'(
De rodrigando a 19 de Junho de 2012 às 06:02
Hugo desculpe só agora responder ao seu pedido mas há muito tempo que não venho ao blog e só agora vi o seu comentário. Se a sua avó Francelina era uma senhora baixa e forte que morava logo à entrada da Brandoa,na Rua do Mercado sim, conheci-a. Lembro-me que essa senhora tinha uma filha muitissimo parecida com ela mas já não me recordo de a ver há uns anos. Penso que também tinha um filho (Jaime se me não engano). Tenho ainda contacto com a filha de uma amiga dela (a D.Aurora) e posso tentar saber através dela alguma coisa. Um abraço.
De hugo ventura a 12 de Maio de 2012 às 02:53
Nao s alguem conhece a Dona Francelina. Infelizmente nunca + tive noticias nem tenho contacto :(
De Hugo Ventura a 28 de Julho de 2012 às 01:16
Ola nao tem que pedir desculpa. Nao penso que nao é a senhora que voce esta a falar. Se nao me engano a minha avo vivia na Rua Pedro Escobar, ela tem um filho chamado Jose (meu pai) e acho q tem uma filha chamada Rosario. Secalhar voce nao deve conhecer, eu so vivi na Brandoa ate aos 2 anos e a Brandoa deve ser grande por isso n deve conhecer, mas muito obrigado por me responder :)
De Anónimo a 20 de Dezembro de 2012 às 14:36
olha eu moro na brandoa e vi o teu comentario eu conheco a tua ávo se quizeres saber mais telefoname eu informo meu numero é 963513316
De Bete do Intercambiando a 15 de Janeiro de 2013 às 20:14
Querida Adelia
Não conheço a Brandoa, nem mesmo Portugal, mas sei bem do que estás a falar. Como corretora de imóveis a mais de 30 anos aqui no Brasil, tenho visto sempre bairros que ficam estigmatizados por algum motivo, mas que na verdade, muitas vezes, é melhor de se morar do que os bairros chamados de "elite". Pelo jeito é igual em toda a parte do mundo. Os bairros de elite é que são os mais visados pelos maus elementos, mas todos querem morar lá, só porque dá Status.
...Assim é o Ser Humano, infelizmente.
Um grande abraço e um Feliz 2013

Comentar post

.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Maio 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
.favorito

. PAI SE É POSSIVEL...

. SINA ...(?)

. PASSARAM-SE 34 ANOS

. EU MORO NA BRANDOA...

. ILUSÃO

. REVIRAVOLTAS

. HOJE

. TVI - PORQUE A SOLIDARIED...

. ONTEM FIZ

. OFICIALMENTE...

.tags

. todas as tags

.Música
Música
The Prayer - Celine Dion
.subscrever feeds